sábado, 16 de setembro de 2017

Janaína Paschoal (Foto: EBC)

A advogada Janaína Paschoal ficou em último lugar no concurso para selecionar dois novos professor titulares de direito penal da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). A informação foi divulgada pela colunista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo. Ela continua lecionando como professora associada da universidade
Janaína assinou junto com Miguel Reale Júnior, o pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff. As vagas pata professores titulares eram de Miguel Reale Júnior e de Vicente Greco Filho, que se aposentaram.
Alamiro Velludo e Ana Elisa Liberatore Bechara ficaram com as vagas. Janaína defendia a tese "Direito Penal e Religião - As Várias Interfaces de Dois Temas que Aparentam ser Estanques". De acordo com Bergamo,ela obteve notas entre 6.4 e 7.2. Já Alamiro, o primeiro colocado, teve notas entre 9.3 e 9.6.
Redação O POVO Online

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é monitorado por tanto cuidado com o que escreve.

CENTRO UNIVERSITÁRIO

CENTRO UNIVERSITÁRIO

ADVOCACIA E CONSULTORIA

ADVOCACIA E CONSULTORIA

AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E MARKETING

AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E MARKETING

SECS

SECS

:: Confira abaixo, as Mais Lidas da Semana ::