terça-feira, 11 de setembro de 2018

O candidato a deputado federal Ítalo Alves (PPS), de 26 anos, arranjou uma forma pouco comum para divulgar sua campanha. O também mestre em relações internacionais resolveu criar perfis em aplicativos de paquera como o Grindr e o Tinder para atingir seu público-alvo: pessoas jovens e LGBTs.

Segundo Ítalo, a estratégia tem dado certo. Ele afirma que já conseguiu conversar com muitas pessoas e apresentar suas propostas para um público amplo. Só no Tinder, o candidato garante que já conseguiu mais de três mil matchs – quando dois usuários se “curtem”, possibilitando a abertura de uma aba de conversa. Ele conta que consegue atingir público de vários locais já que deixa sempre os aplicativos com a localização ativada.

Italo conta que muito da ideia veio do fato de não ter muito financiamento na campanha. “A gente não precisa financiar com milhões de reais, a gente pode ser criativo e inovador”, afirma. Segundo ele, a experiência no Tinder e no Grindr tem sido “muito boa”, já que pessoas tem comprado a ideia e feito perguntas sobre a campanha. O candidato diz que ainda pretende entrar no Hornet e no Scruff, aplicativos de paquera gay.

“Algumas pessoas criticam, mas acho que é uma boa oportunidade para esclarecer e mostrar nossas propostas”, comenta, falando que alguns usuários perguntam se a finalidade dele dentro do aplicativo é apenas divulgar a campanha ou também conseguir um romance. “O aplicativo é só uma perna da minha campanha, minha campanha tá nas ruas, nas redes sociais”, esclarece. “Criar uma candidatura jovem, que se comunique com o jovem e com o público LGBT: é esse o tipo de política que eu quero fazer”, completa.

0 comentários:

Postar um comentário

Seu comentário é monitorado por tanto cuidado com o que escreve.

CENTRO UNIVERSITÁRIO

CENTRO UNIVERSITÁRIO

ADVOCACIA E CONSULTORIA

ADVOCACIA E CONSULTORIA

AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E MARKETING

AGÊNCIA DE PUBLICIDADE E MARKETING

SECS

SECS

:: Confira abaixo, as Mais Lidas da Semana ::